Em uma Kombi movida a gás e personalizada para representar a dinâmica cultural, artistas embarcam para visitar diferentes comunidades mineiras. Eles utilizam recursos musicais e teatrais para encantar e integrar o público com poemas que abordam cultura popular, tradições, cidadania e valores humanos. Este é o projeto Ponto da Poesia, viabilizado pela Lei Estadual de Incentivo à Cultura.

poesia grande

 

Até o dia 30/10, a Kombi Sustentável do Ponto da Poesia irá estacionar nas cidades de Timóteo e Coronel Fabriciano. O projeto cultural realiza, em cidades do interior de Minas Gerais, intervenções artísticas com declamação de poemas em espaços públicos. A ideia é estimular a leitura por meio da integração lúdica com obras de autores nacionais.

Em Timóteo, as intervenções ocorrem nos dias 21/10, a partir das 14h, em praças, pontos de ônibus e espaços públicos; 22/10, às 7h30 na Praça CEU; e às 9h, na Biblioteca Pública Municipal Raquel Pacífico Drumond. No dia 29/10, às 10h, a apresentação será na Escola Municipal João Bolinha; a partir das 12h, a trupe do projeto se apresentará em praças, pontos de ônibus e espaços públicos; às 14h, realizará nova apresentação para os estudantes da Escola Municipal João Bolinha.

Em Coronel Fabriciano, as apresentações acontecerão no dia 22/10, às 13h, no Centro de Convivência Vivaidade; a partir das 14h, em praças, pontos de ônibus e espaços públicos. No dia 30/10, o Ponto da Poesia também levará as apresentações a praças, pontos de ônibus e espaços públicos, a partir das 14h.

Desde 2013, as edições do projeto contam com a participação da Cia Trupe da Alegria, de Timóteo.

Foto: Projeto Ponto da Poesia

Enviar para impressão