O espaço cultural mais antigo de Minas Gerais comemora seus 120 anos sem ter perdido seu vigor. Pelo contrário, o Arquivo Público Mineiro continua cumprindo sua missão com dinamismo e modernização de suas práticas. Quinta-feira, às 19h, a instituição lança, em sua sede, a Revista do Arquivo Público Mineiro, Janeiro-Junho 2015, centenária publicação do APM.

O evento terá apresentação da Orquestra Sinfônica da Polícia Militar de Minas Gerais e conta com participação do secretário de Estado de Cultura, Angelo Oswaldo, do superintendente do Arquivo Público Mineiro, Thiago Veloso, e do coordenador da publicação, Renato Venâncio.

A edição traz os múltiplos significados dos arquivos públicos na sociedade contemporânea, bem como propõe um momento de reflexão a respeito dos desafios enfrentados e a forma de superá-los. São temas trabalhados sob perspectiva não apenas acadêmica, mas também construtiva. A revista abre esse acervo à comunidade, propondo discussões e intercâmbios de ideias a respeito.

 

Revista do Arquivo Público Mineiro

Idealizada pelo fundador e primeiro diretor do Arquivo Público Mineiro, José Pedro Xavier da Veiga, a Revista do Arquivo Público Mineiro teve seu primeiro número lançado em 1896. Naquela época, ao apresentar a publicação, Xavier da Veiga afirmava a necessidade de se organizar “séria e sistematicamente” os arquivos administrativos, históricos e políticos dispersos em Minas Gerais.

Desde 2005, graças ao esforço da Secretaria de Estado de Cultura, com apoio do Programa Cultural da Cemig, a Revista do Arquivo Público está sendo publicada em uma nova versão, com projeto gráfico moderno que busca honrar a tradição da mais antiga revista de História de Minas Gerais.

Arquivo Público Mineiro

Criado em Ouro Preto, em 1895, o Arquivo Público Mineiro é a instituição cultural mais antiga de Minas Gerais. Ele é responsável pela gestão do patrimônio arquivístico produzido pelo Poder Executivo do Estado e dos documentos privados de interesse público e social.

O acervo que hoje está sob tutela do Arquivo Público Mineiro reúne milhares de manuscritos, impressos, mapas, fotografias, filmes, livros, periódicos, entre outros documentos, abrangendo desde o século XVIII até o século XXI. Localizada na Avenida João Pinheiro, 372, a casa que hoje abriga o Arquivo Público Mineiro integra o patrimônio arquitetônico de Belo Horizonte e faz parte do Circuito Cultural Praça da Liberdade.